Oficinas artísticas

As oficinas artísticas são momentos de exploração e reflexão sobre a arte do nosso tempo. Cada grupo terá tempo para pensar, experimentar, perguntar e arriscar. Estas experiências, essencialmente práticas e de exploração artística, são pensadas para diferentes idades e perfis e podem elas próprias ser combinadas de forma a responder às expectativas dos grupos que nos procuram.

As diferentes oficinas artísticas são concebidas para grupos etários e níveis de ensino distintos, desde o ensino pré-escolar até ao ensino secundário.

São realizadas mediante marcação prévia, com menos duas semanas de antecedência, para grupos com mínimo de 15 e máximo de 20 participantes.

Dominó infinito

Nesta oficina vamos construir um jogo de figuras e palavras que exploram associações de ideias e ampliam o significado de objetos, sensações e imagens. Um jogo que se joga à medida que é construído. Um dominó onde as figuras e as palavras podem criar relações sem sentido e outras de múltiplos sentidos. Uma oficina para treinar a imaginação e a observação do que está à nossa frente, do que desejamos e projetamos.

Palavras-chave: desenho, escrita, jogo, imaginação
Conceção e orientação: Daniel Costa
Público-alvo: 15 aos 18 anos, ensino secundário
Duração: 60 a 90 min

Figuras escondidas

A figura humana, visível, discreta ou sugerida, é um tema omnipresente num museu. Cada manifestação pode gerar empatia ou curiosidade e constituir um ponto de partida para a criação de um personagem e de uma história. O participante é convidado a procurar na exposição imagens e objetos dos quais possa inferir personagens, ações e intriga, e a desenhá-los, ora individualmente ora em conjunto, em sequência de maneira a formar narrativas gráficas.

Palavras-chave: escolha, imagem, desenho, narrativa, imaginação
Conceção e orientação: Sofia Neto
Público-alvo: 10 aos 14 anos, 2º e 3º ciclos
Duração: 60 a 90 min

Memórias suspensas

O que é uma memória? O que é o tempo? Do que nos lembramos? Do que nos esquecemos? E como nos sentimos?
Nesta oficina vamos refletir sobre estas perguntas e criar uma memória coletiva experimental através de várias técnicas (palavra, pintura, corpo, vídeo, som), materialidades (tintas, água, areia, pó de talco) e efeitos visuais (movimento, luz, projeção de vídeo).

Palavras-chave: tempo, escrita, pintura, vídeo, corpo, som
Conceção e orientação: Rebecca Moradalizadeh
Público-alvo: 6 aos 12 anos,  1º e 2º ciclos
Duração: 90 a 120 min

Desenhos (Des)medidos

De lápis e régua na mão vamos dar início aos nossos desenhos. Tirar medidas ao pé, à mão, à perna, ao rosto, ao nariz, ao olho….. enfim, a todas as partes que compõem o exterior do corpo humano. Quais as nossas medidas na relação com as medidas dos outros? E será que existem cânones de medida? É o que vamos descobrir para construir estes desenhos.

Palavras-chave: desenho, medição, cânones
Conceção e orientação: Tatiana dos Santos
Público-alvo: 6 aos 12 anos, 1º e 2º ciclos
Duração: 90 a 120 min

PANO PRA MANGAS!

Em cima de ti é lençol, em baixo de ti é toalha de praia, na tua pele é camisa, e na cabeça chapéu; Lá no alto é balão, e um tapete no chão; Podes amachucar, dobrar, rasgar ou apenas sentir. Também podes construir! Uma oficina para experimentar a matéria-pano numa configuração performativa e plástica, através da apropriação de gestos e objetos do quotidiano na procura de novos significados para este material.

Palavras-chave: gesto, experimentação, manipulação, composição
Conceção e orientação: Angelina Nogueira
Público-alvo: 4 aos 10 anos, Pré-escolar e 1º ciclo
Duração: 60 a 90 min